quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

2012, VALE MEÃO, DOURO

Aspecto limpido, cor granada, lágrima presente
Aroma limpo, jovem, intenso

Aroma frutado, frutos vermelhos, compotados, notas florais, esteva; especiarias a aparecer com boa madeira a envolver.

Sabor seco, acidez, alcool, taninos presentes, intensos, da sua juventude, irreverentes, especiado, encorpado e final longo e persistente

Iguarias: Bife Wellington, Carne maronesa grelhada com legumes assados no forno; perna de javali assada no forno com batata no forno.

Copo: Riedel Syrah ou Schott Diva Borgonha


A precisar de tempo, mas um grande vinho!!

Sem comentários: