terça-feira, 12 de março de 2013

2010, Quinta da Lapa "Syrah", Tejo

vinho tinto
Aspecto limpido, cor granada, lágrima presente

Aroma limpo, jovem, intensidade média
Aromas primários, frutos pretos, maduros, mirtilhos, amoras, notas especiadas, madeira evidente, mas a dar equilibrio ao aroma e intensidade
Sabor seco, acidez suave, alcool presente, taninos presentes, sumarentos, (de boa qualidade), bom flavour, frutado e especiado, corpo medio e final persistente

Iguarias: cachaço de vitela com puré de aipo, arroz de fumeiro com bochecha de vitela, perna de cabrito assado no forno com arroz árabe.

Copo: Riedel Cabernet ou Schott Diva Borgonha

Bom vinho!!!

Sem comentários: