quinta-feira, 12 de julho de 2012

2008, Quinta da Alorna, Tejo

Casta: Chardonnay
Aspecto limpido, cor amarela definida, lágrima presente
Aroma limpo, evoluido, intenso
Aromas de evolução, notas de brioche, bolacha de manteiga, tosta, nuances de leveduras; notas de frutos maduros a aparecer; madeira bem integrada
Sabor seco, acidez suave, alcool, bom flavour, corpo mediano, sedoso, final apelativo.

Iguarias: Bacalhau à Lagareiro, Risottos com frutos do mar, carnes vermelhas grelhadas com chutney de frutos tropicais.

Copo: Schott Diva Chardonnay ou Riedel Chardonnay

Grande vinho do Tejo...

Sem comentários: