quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

1966, Barca Velha, Douro Vinho tinto

Aspecto limpido, cor acastanhada, lágrima suave

Aroma limpo, muito evoluido, intenso
Primeiro ataque madeira velha
Aromas evoluidos, caramelo, fumeiro, couro, madeira velha, tosta, notas especiadas, suaves notas de canela.

Sabor seco, acidez muito suave, alcool, taninos redondos, especiado, couro, flavour mediano, bom corpo e final longo.

Um vinho de grande qualidade, dos primeiros ( primeiro 1952).
Muito evoluido, mas ainda bebivel.

Copo: Schott Bordeús ou Riedel Syrah

Beba sozinho para apreciar convinientemente...

Obrigado pela oportunidade...

Sem comentários: