terça-feira, 1 de março de 2011

O escanção- Paixão pelo vinho- Arte de Bem Servir

“A Arte do Escanção ( sommelier) faz de qualquer ocasião à mesa um acontecimento inesquecível” (G.Vaccarini)

A profissão de Escanção sempre foi digna de grande reconhecimento em Portugal. No reinado de D.Afonso Henriques, existem relatos de uma pessoa, nesse caso cavaleiro de grande reputação que tinha como função servir o vinho ao rei.
Começou nos palácios o seu trabalho até chegar aos restaurantes com um serviço mais sofisticado. Contudo o Escanção ou Sommelier não deixa de ser um empregado de mesa, que se especializou-se em bebidas, nomeadamente vinhos.
As funções de um escanção actualmente, passam por servir os vinhos, aconselhar o melhor vinho para as iguarias escolhidas, tentando que a refeição seja a mais perfeita possível.
Além disso deve ser responsável pela gestão dos vinhos, sua cave, compra e elaboração da carta de vinhos tendo em conta a cozinha praticada pelo restaurante.
Ainda tímida, a presença de escanções em restaurantes, tem tudo para que aumente e que se torne mais vistosa, mais falada e realçada.
Apesar de muitos empresários da restauração demonstrarem pouca abertura, associando o escanção a um custo, ter alguém especializado para o serviço de vinhos é algo que dá prestigio e é sinónimo de bons vinhos a preços adequados.
Se avaliarmos as vantagens e desvantagens, facilmente chegamos à conclusão que um escanção poderá ser bastante útil. Alguém que recomenda os vinhos para as iguarias, escolhe os copos correctos, serve à temperatura correcta os vinhos, sabe que vinhos deve decantar ou oxigenar, tendo que ter conhecimentos teóricos das várias regiões vinícolas do mundo e suas castas. È alguém informado, participando em provas semanais, estudioso e que está atento ao mercado e sabendo escolher sobre o lema de preço/qualidade.
Se o vinho começa a ter um papel mais activo na cultura gastronómica dos portugueses, assume extrema importância que os restaurantes forneçam um serviço requintado, com a ajuda de um escanção que valoriza a comida, dá prestigio ao estabelecimento, tira dúvidas ao cliente, funcionando muitas vezes, como um “relações públicas” (M.Miranda)do restaurante.
Em suma um escanção é importante para que o cliente tenha a melhor refeição de sempre, aliando a qualidade da confecção, excelência do serviço de sala, não esquecendo o primor e elegância do serviço de vinho.
Um escanção é a pessoa que vive o vinho, transmite paixão pelo que faz, colocando ao serviço do cliente a sua destreza e sabedoria da arte do serviço de vinhos.

Sem comentários: