terça-feira, 31 de agosto de 2010

2008 Monte Cascas Reserva "Rabigato", Douro

Jovens enólogos que fazem da qualidade uma virtude.Vinho branco com personalidade, fresco e envolvente.
Optima escolha para pratos de bacalhau, risotos e carnes não muito condimentadas.

2008 Montes Claros Reserva "Antão Vaz, Roupeiro&Arinto", Alentejo

Uma Adega Cooperativa que tenta acompanhar as novas tendências sem perder a identidade.
Vinho aromático, com boa acidez e pleno de estrutura. Bom para pratos de bacalhau, peixes grelhados e risotos.

2008 J.Mullner "Grüner Veltliner", Aústria
De um país frio, chega-nos este vinho de uma casta refrescante, mineral e intensa.
Harmoniza bem com pratos com untuosidade, alguns peixes. Fantástica escolha para queijos e sobremesas.

2007 Domaine Felix, "Chardonnay", Chablis, França

Região conhecida pelo Chardonnay, fornece ao mundo, vinhos envolventes, sedosos e estruturados.
Vinhos que fazem lembrar tintos sendo uma escolha ousada para pratos de carne condimentados e queijos.

VINHOS TINTOS

2008 Quinta do Cachão "Touriga Nacional", Douro

Casta de grande qualidade, com impera os aromas frutados aliados ao toque floral.
Combina com pratos de carne, com intensidade e ricos de aromas.

2007 Hobby " T.Nacional&Cabernet Sauvignon&Syrah, Alentejo

Projecto pessoal de Diogo Campilho e Pedro Pinhão que colocam em prática toda a sua paixão pelo vinho.
Vinho aromático, elegante e agradável. Boa opção para pratos de carne não muito condimentada.


2008 Phebus, "Malbec", Argentina
Projecto de Rui Reguinga que utiliza a casta adoptada pela Argentina, a Malbec.
Frutada, com estrutura e persistente é uma optima companhia para as carnes argentinas.

2008 McGuigan Black Label "Shiraz", Austrália
Este "Shiraz mostra-se jovem, frutado e especiado e encolvente.
Ideal para carnes argentinas condimentadas.

2008 Montes Alpha "Cabernet Sauvignon" Chile
Grande vinicola do Chile. Têm especial atenção à qualidade dos seus num ambiente Feng Shui.
Vinho de forte personalidade, aromático e intenso, que pede carnes condimentadas.

Um pouco de doçura para finalizar…

1995 Quinta da Ribeira de Caparide, Vinho Generoso de Carcavelos 3,50

Vinho de identidade vincada, rico de aromas e paladar envolvente e guloso. Ideal para o parfait ou sozinho. Optima escolha para os finais de tarde mais frios de Setembro e Outubro...

Notas de prova de vinhos provados

NV Gosset Brut, Champagne, França 44 € 8 €

A primeira vez que provei este champagne, foi em Londres com director de vinhos do Capital Hotel,
Master Sommelier João Pires. Aromas frescos, aromáticos, cativantes e sabores envolventes. Um champagne de grande requinte. Acompanha bem a refeição.

2008 Quinta do Gomariz, "Loureiro", Vinho Verde

Quando provei este vinho o que me agradou mais foi a sua exuberância aromática.
Fresco, aromático e envolvente, sendo uma escolha acertada para entradas e iguarias de peixe.

2006 Hugel, "Gewurzstraminer", Alsácia, França
Casta conhecida na Alsácia e Alemanha, que apresenta aromas intensos, cativantes e com toques especiados.
A minha experiência com esta casta diz-me que é bastante versátil e apeticível, sendo uma optima escolha para pratos condimentados.

2009 Villa Maria, "Sauvignon Blanc", Marbourough, N.Zelândia

Este vinho é um dos mais vendidos da casta Sauvignon Blanc no fundo inteiro. Cativa pela riqueza aromática, fruta tropical bem presente. A sua capacidade aromática é fabulosa aliando as notas de maracujá, pessêgo ao sabor fresco, com boa acidez e final guloso. Agradável para as entradas, peixes e carnes brancas. Experimente com sobremesas.


VINHOS TINTOS
Preço GR Copo
2006 Fonte das Moças Reserva, Lisboa 13 € 3,50 €

Elaborado por o enológo João Melícias, pode ser considerado um vinho de quinta. Frutado, com notas envolventes de
fruta madura, com toque especiado, com sabores suaves, intensos e agarádavel para pratos de carne.

2008 Quinta da Lagoalva "Castelão&Touriga", Tejo

Vinho tinto de Alpiarça, elaborado por jovens enologos de uma familia com grandes tradições no vinho.
Jovem, suave, de aromas cativantes e sabores cheios de juventude e equilibrio. Pratos não muito condimentados podem ser boas escolhas.

2007 Monte Cascas Reserva "A.Bouschet&Alfrocheiro", Alentejo

Projecto de dois jovens enologos, que apostam na elaboração de vinhos em Portugal, não tendo por isso vinhas fixas.
Escolhem as vinhas com o melhor "terroir" na procura d perfeição.
Este vinho tem uma grande parte de Alicante Bouschet, dando aromas a fruta vermelha e especiarias. Sabores fortes
mas delicados, intenso e final guloso. Adequado para pratos condimentados.

2008 Pampas Del Sur, "Shiraz&Malbec", Mendonza, Argentina
Argentina, considerada Novo Mundo, apresenta vinhos fáceis e cativantes onde a casta Malbec é rainha. Este vinho
apresenta a riqueza aromática da Shiraz aliada á estrutura da Malbec que nos guia para sensações cativantes.

2008 Cono Sur, "Carmenére", Vale Centra, Chile

Esta Casta é originária de Bordeus, tendo sido adoptada pelo Chile como sendo a casta mais importante nos tintos
Aromas a fruta vermelhas, com notas de especiarias, agradável no sabor e que nos cativa pelo equilibrio. Ideal para
comidas com um toque especiado

Sugestão de Vinhos da Quinta dos Frades


Até dia 7 de Setembro 2010 a sugestão de vinhos do Restaurante Quinta dos Frades será a seguinte:


Nunca se esqueça que a escolha de um vinho não deverá ser um problema, mas sim, uma agradável decisão.
Beba-o com alegria!!!

VINHOS BRANCOS


2009 Casal d`Além "Arinto", Bucelas, Lisboa

Casta emblemática da região, de um produtor, Carlos Canário, que prima pela qualidade. Apresenta uma boa acidez, citrino, sedoso com sabor refrescante e final cativante. Ideal para iniciar a refeição ou para peixes grelhados.

2008 Ensaios Filipa Pato "Arinto&Bical", Bairrada

Proviniente de uma região mais a norte, confirmou a sua qualidade na região de Lisboa. De aromas frescos, frutados,
com sabor cativante, com estrutura e final sedoso. Vinho para pratos de peixe, sendo o bacalhau uma optima escolha.

2009 Joaquim Costa Vargas "Antão Vaz", Alentejo

De um produtor que nos habitou ao melhor, chega-nos este branco de aromas frescos e frutados. Cativa pela
suavidade do sabor, estrutura que é uma optima escolha para pratos de bacalhau, risottos ou até mesmo de polvo.

2007 Trimbach "Gewurzstraminer", Alsácia, França
Um dos produtores de referência da Alsácia. Este vinho seduz pela intensidade aromática, frescura e equilibrio.
Sabor envolvente, com estrutura, ideal para pratos de bacalhau e carne não muito condimentados.

Temperatura de serviço: 8ºC a 10ºC

VINHO TINTO

2007 Foral Reserva, Douro

As castas Tinta Roriz, Touriga Nacional e Touriga Franca compõe os alicerces deste vinho que prima pela sua intensidade
aromática. Sabor frutado, com corpo e final apelativo fazem deste vinho uma escolha acertada para carnes grelhadas.

2007 Quinta da Fata, Dão

Vinho tinto de aromas frescos e frutados, sabores elegantes que combina bem com pratos de peixe,
bacalhau ou carnes pouco condimentadas.

2007 Plansel "Touriga Nacional", Alentejo

Uma Touriga Nacional jovem, com corpo, cheia de personalidade que impressiona pela intensidade aromática e
estrutura. Ideal para pratos condimentados.

2008 Famiglia Bianchi "Malbec", Mendoza, Argentina

Um malbec classico, com aromas frutados e compotados, sabores intensos, encorpados e final apeticível.
Escolha acertada para pratos condimentados, principalmente carnes com molhos intensos.

Temperatura de serviço: 16ºC a 18ºC

Rodolfo Tristão

Jacob´s Creek Sparkling



Chega a Portugal através da Pernod Ricard este "Sparkling" de uma das grandes empresas de vinho do Mundo.
Segue a nota de prova:


Vinho Jacob´s Creek
Non Vintage
Copo utilizado: Flûte


Aspecto
Límpido, brilhante, de bolha fina e esguiça. Bolha rápida e pequena que demonstra que a 2ª fermentação foi demorada e feita em garrafa garantido uma melhor qualidade. Mousse delicada e persistente.


Aroma limpo, sem defeitos, intensidade mediana, já que num flûte não se nota muito o aroma devido ao copo ter uma “boca” pequena.
Desenvolvimento evoluído, visto que deverá ter pelo menos 3 anos até ao “degorgement”. Este processo ocorre quando se coloca a rolha definitiva.
Aromas a fruta citrina, limão, maça verde e notas de pêra cozida, com toque de frutos vermelhos verdes (sensação vegetal). Nota-se uma evolução que transmite uma sensação de tosta, bolacha de manteiga e levedura.

Sabor seco, acidez presente e gás suave, álcool suave, frutado, maça verde e pêra cozida, corpo mediano, intenso e final de boca persistente e guloso.


Ideal para aperitivo, peixes gordos grelhados, carnes brancas e sobremesas à base de ovos. Experimente com queijos de pasta mole e aprecie novas sensações.
"Sparkling" ideal para relembrar as férias. Optima escolha para uma esplanada ao fim da tarde, ao fim de semana ou porque não no encontro com os amigos depois das férias.

Copo ideal: copo ligeiramente aberto no topo; se for demasiado largo a acidez é mais notória dando transmitindo uma sensação muito agressiva.
Temperatura de 6º a 8º graus

Boa prova!!

Prova de Vinhos

Na contagem para o Campeonato da Europa, venho colocar as minhas notas de prova dos vinhos provados.
Espero que seja útil.

StellaBella Skuttlebutt tinto Austrália - Cabernet+shiraz-
aspecto limpido, cor vermelha intensa, lagrima persistente.
aroma limpo, jovem, intenso. fruta muito madura, especiarias, pimenta com toque de pimentos maduros.
Sabor seco, alcool a notar-se, taninos suaves, frutao, muita compota de frutos silvestres, corpo médio com intensidade e final correcto.
copo aconselhado riedel shiraz
iguarias: carnes vermelhas, guisados.