sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Colares PAULO DA SILVA 1987 - tinto-

O meu grande amigo Carlos Jorge, WineCompany, ofereceu-me uma garrafa de Colares.
Eu que sou doido por vinhos de Colares, estava ansioso pela prova.
Tive o privilégio de o provar no hotel do Chiado, durante um curso de vinhos que estava a leccionar.
Cor acastanhada, aromas desenvolvidos, intensos a frutos secos, madeira velha, couro, fumado, caramelo, uma panoplia de aromas que carcaterizam bem um Colares.
sabor seco, alguma frescura, frutado, passas, carmaleo, taninos ainda presentes, corpo mediano, intensidade presente e final persistente.
Vinho que valoriza com um copo largo, pois está sempre a evoluir de aromas á medidad que o tempo passa.
Obrigado
Aos formando, espero que tenham gostado, apesar de não ser um vinho fácil..

Sem comentários: